Lula recebeu pagamentos de Palocci e desviou dinheiro de instituto, diz revista

Ainda segundo o ex-ministro, o Instituto Lula mantinha um contabilidade paralela  / Valter Campanato/Agência Brasil

O ex-ministro Antonio Palocci revelou, ao detalhar os conteúdos que serão entregues ao fechar acordo de delação premiada com o Ministério Público, que fez repasses, em dinheiro vivo, ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O dinheiro teria sido entregue pessoalmente por Palocci a Lula, em pacotes de R$ 30 mil, R$ 40 mil ou R$ 50 mil. Segundo a revista Veja, o ex-presidente utilizava o dinheiro doado ao Instituto Lula para o pagamento de despesas pessoais.
As propinas, segundo o ex-ministro, integravam a conta-corrente que o PT tinha com a empreiteira  Odebrecht, expressa na planilha “Programa Especial Italiano”, do setor de Operações Estruturadas da empresa.
Quinta-feira (14), o juiz Sérgio Moro solicitou uma perícia por parte da Polícia Federal para detalhar os supostos repasses que foram feitos pela empreiteira a Lula.
Ainda segundo o ex-ministro, o Instituto Lula mantinha um contabilidade paralela para acobertar os repasses ilícitos. As contas, conforme informações da publicação, eram administradas por Paulo Okamotto, à época presidente do Instituto Lula.
Depoimento
Em depoimento a Sérgio Moro, no caso que investiga pagamentos da Odebrecht para compra de um prédio e de um terreno para construção do instituto em São Paulo, Palocci confirmou ao juiz que Lula dava anuência aos pagamentos. O ex-ministro chegou a citar um repasse de R$ 300 milhões que chegou ao conhecimento do ex-presidente.
Palocci está fechando um acordo de delação premiada com o Ministério Público. Para isso, o ex-ministro apresentou uma espécie de sumário com os assuntos que poderá elencar no documento.
Fonte: JC Online.

Janot recebe arco e flecha em cerimônia de despedida do cargo

 

 

O procurador-geral da República Rodrigo Janot, participou nesta sexta-feira de uma cerimônia de despedida do comando do Ministério Público Federal (MPF) . No auditório interno da Procuradoria Geral da República (PGR) ,  Janot discursou para cerca de 400 pessoas, entre servidores e procuradores, e recebeu de presente da tribo Xokó, de Sergipe, um arco e flecha. O presente é uma referência à frase “enquanto houver bambú, la vai flecha” , cunhada por ele em palestra no início de julho.
A expressão despertou a ira do mundo político. Janot pretendia dizer com a frase que não diminuiria o ritmo dos trabalhos da PGR e seguiria formulando denúncias antes do término de sua gestão. Só nas últimas duas semanas, ele apresentou uma nova acusação contra o presidente Michel Temer (PMDB) e aliados e acusou a cúpula do PT, incluindo os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff , de formar uma organização criminosa.
A frase de Janot fez a defesa de Temer entrar com um novo pedido de suspeição no Supremo Tribunal Federal (STF). Em sessão realizada antes da apresentação da nova denúncia, o advogado do presidente, Antonio Claudio Mariz de Oliveira, afirmou que “flechadas” não são expressões cabíveis no discurso de um procurador-geral da República.
Por 9 votos a 0 – os ministros Gilmar Mendes e Luís Roberto Barroso não votaram -, o STF entendeu que a frase não representava “inimizade capital” do procurador-geral em relação ao presidente e, portanto, não o colocava em suspeição para prosseguir nas investigações.
Na cerimônia na PGR, Janot prestou agradecimentos aos servidores do MPF. “Juntos vivemos e escrevemos um capítulo muito especial na história do país e do Ministério Público. A esperança ainda triunfa nesta casa. Valeu a pena para mim cada minuto de labuta e até de sofrimento”, disse o procurador-geral, cujo mandato se encerra no domingo. A cerimônia de posse de Raquel Dodge, a nova chefe da PGR, está marcada para segunda-feira.
O chefe de gabinete da PGR, procurador da República Eduardo Pellela, apresentou um balanço dos resultados obtidos pela equipe de Janot nos quatro anos de gestão. Foram produzidas 19.697 manifestações, incluindo 242 pedidos de instauração de inquérito, 66 denúncias, 13.014 manifestações e pareceres e 98 iniciais em cautelares, como pedidos de busca e apreensão, de interceptações telefônicas, de sequestro de bens e quebras de sigilo bancário.
A maior parte dos processos movimentados refere-se a assuntos da área criminal e da Operação Lava jato, responsáveis, respectivamente, por 34% e 18,7% do total enviado ao STF. Para o vice-procurador-geral eleitoral, Nicolao Dino, o trabalho da última gestão da PGR teve um caráter de transformação social. “Nós não pretendemos ser salvadores da pátria, apenas queremos dar sentido à palavra pátria”, afirmou.
Fonte: Blog Alíngua.

 

Prefeitura de Afrânio e Banco do Nordeste firmam parceria para anistiar dívidas de agricultores

A prefeitura de Afrânio e o Banco do Nordeste estão convocando todos os agricultores que contrataram  financiamentos rurais no Banco do Nordeste até 31 de dezembro  de 2006  para uma reunião, amanhã(16), a partir das 9 horas, no Memorial Jose Teodomiro, em Afrânio. Na reunião, será coletada a assinatura de todos para liquidação das dívidas contraídas até 2006.
São mais de 200 agricultores que serão beneficiados com a quitação das dívidas e que terão a possibilidade imediata de fazer novos empréstimos junto ao Banco do Nordeste. O prefeito Rafael Cavalcanti está confiante com a parceria e diz que a iniciativa prever impulsionar e estimular os produtores do município com a recuperação do crédito. “Estamos cuidando do homem do campo. Essa conquista junto ao Banco do Nordeste aliada às ações que estamos desenvolvendo na zona rural, como perfuração de poços, construção de tanques e barragens para reservação de água, patrolamento das estradas, entre outras, é a esperança  para que todos possam  retomar a capacidade de produção e gerar renda,” destaca.

 

Mulher é presa em Afrânio com várias pedras de Crack

 

Ontem(14) foi presa em Afrânio PE, e conduzida a delegacia da cidade, Maria Silvana Mendes Oliveira, conhecida como “LIA” que estava comercializando entorpecente.
De acordo com a equipe de Policias Civis lotados na 216 e 217 Circ’s coordenados pelo Bel. Josè Renivaldo  da Silva, Delegado especial de Policia Civil, foi realizada uma abordagem ao Bar de Geraldo, localizado às margens da BR 407,Centro.
No momento da prisão “LIA” estava com (46) pedras de crack e (03) sacoletes contendo cocaína. A policia informou ainda que “LIA” realizava a prática o tráfico de drogas há 02 anos em Afrânio.
As investigações continuam e dentro de mais alguns dias outros possíveis pontos de drogas serão desarticulados, como aconteceu com  “LIA”, que está presa, foi autuada em Flagrante Delito e vai responder pela prática de crime previsto no Art 33 da Lei 11.343/06.

 

Operação da PF desarticula quadrilha que furtava poupança de clientes da Caixa

Polícia Federal genérica
 

Equipes da Polícia Federal (PF) cumprem esta manhã mandados judiciais contra integrantes de um grupo criminoso com ações fraudulentas na Caixa Econômica Federal. São 56 mandados judiciais, sendo 23 de busca e apreensão, seis de prisão preventiva, sete de prisão temporária, seis de sequestro de bens e um mandado de suspensão do exercício da função pública.
A operação, chamada de Duas Caras, ocorre nos estados de Santa Catarina, do Paraná e da Paraíba. A investigação tem como alvo uma quadrilha que furtava dinheiro de contas poupança de clientes do banco. O grupo criminoso contava com a ajuda de um funcionário da Caixa.
De acordo com a PF, entre os crimes estão furto qualificado, estelionato qualificado, peculato, que é quando um funcionário público se apropria de valor ou bem público, uso de documento falso, falsificação de documento público e associação criminosa.
A quadrilha, segundo a PF, contava com a cumplicidade de um funcionário da Caixa, que ajudava o grupo fornecendo informações de contas poupança de clientes com grandes valores e que não apresentava histórico de retiradas.
Com as informações, o líder solicitava a emissão de documentos falsos e complementava os demais dados necessários com outros participantes, que tinham acesso ao banco de dados. Em seguida, membros da quadrilha entravam em contato com a central de cartões da Caixa e, se passando por clientes, informavam a falsa perda do cartão para gerar outro.
A partir daí, os cartões eram retirados nos Correios também com o uso de documentos falsos. De posse dos cartões, os investigados sacavam dinheiro nos caixas eletrônicos, faziam compras em débito automático e transferências até zerar a poupança da vítima. 
De acordo com a PF, o nome da operação, Duas Caras, é uma referência à atuação do funcionário da Caixa ligado à quadrilha.
Fonte: Agência Brasil.

Cristina Costa: “O Rio São Francisco não é de Fernando Filho nem de Temer. É do povo”

De almas  lavadas  e sorridentes,  a vereadora Cristina Costa (PT) e o líder de oposição  e presidente do PMDB em Petrolina, vereador Paulo Valgueiro, se disseram satisfeitos com a realização bem sucedida da audiência pública  sobre a questão do Rio São Francisco e venda da CHESF, realizada nesta quinta -feira, 14, na Câmara municipal de Petrolina.
Mais  de 30 entidades que estiveram presentes na movimentada  audiência, fizeram do púlpito da Casa Plínio Amorim,uma passarela onde puderam  repassar  seus conhecimentos de vida com a CHESF, bem como conhecimentos  técnicos sobre a empresa. Quanto à  privatização da estatal, todos uníssonos, bradaram claramente ser contra a venda daquilo que chamam de empresa do Nordeste e batizaram  a venda da empresa de crime contra a Pátria. 
“Não podemos discutir privatização enquanto partidos, governo ou de forma individual. É importante a sociedade saber o que pode acontecer com a privatização.Esse projeto (de venda da Chesf) é  de interesse de um grupo político que quer permanecer no poder, desrespeitando o povo brasileiro. O Rio São Francisco não é de Fernando Filho nem de Temer. É do povo, foi dado por Deus, e a gente não pode ver um ministro, que de forma golpista chega ao ministério para vender o Rio sem ouvir o sentimento daqueles que dependem da Região”, falou euforicamente  a vereadora Cristina Costa.
Todos sentiram muito a ausência de Fernando Filho e do grupo de Fernando Bezerra. No entanto, o clima seria diferente,caso eles estivessem presentes na audiencia. Em todo tempo, o grupo de FBC quando citado, era alvo de vaias, de nomes pejorativos, como traidor e  golpistas. Enfim, foi lamentável o grupo não estar presente, mas evitou que os mais exaltados transformassem a audiência pública em um campo de guerra.
Por Cauby Fernandes

 

Anac emitirá certificação do Aeroporto de Petrolina até a próxima quarta-feira, confirma Infraero

 

O presidente da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), Antonio Claret de Oliveira, confirmou ao senador Fernando Bezerra Coelho (PMDB-PE), ontem (14), que a certificação do Aeroporto de Petrolina será emitida pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) até a próxima quarta-feira (20). No próximo dia 22, durante a semana de comemoração dos 122 anos da cidade-natal do parlamentar, o ministro dos Transportes, Maurício Quintella, chega ao município – acompanhado pelo ministro de Minas e Energia, Fernando Filho – e será recebido pelo prefeito Miguel Coelho.
A certificação autorizará a movimentação de aviões mais robustos no Aeroporto Internacional Senador Nilo Coelho, ampliando a exportação de frutas e outros produtos agrícolas da região, o que resultará no reaquecimento da economia no Submédio do São Francisco em Pernambuco e também na Bahia. “Uma medida muito importante para a fruticultura irrigada desta região, que movimenta volume superior a seis mil toneladas de frutas por via aérea“, comemora o vice-líder do governo no Senado.
Como destaca Fernando Bezerra, só no período que vai deste mês até março do próximo ano, mais de 600 voos vão passar pelo Aeroporto Nilo Coelho. “Grande parte, carregada de frutas para exportação“, observa o senador, principal articulador da medida junto ao Ministério dos Transportes, à Anac e à Infraero.
Fonte: Blog do Carlos Britto.

Campanha da Compesa conta comigo

Os 2 milhões de clientes da Compesa podem contribuir com organizações sociais que estão trabalhando para melhorar a qualidade de vida dos pernambucanos. Para colaborar, é preciso aderir a Campanha Conta Comigo lançada nesta terça-feira (12) e que viabiliza a doação mensal por meio da conta de água nos valores de R$ 1,00, R$ 2,50, R$ 5,00 ou R$ 10,00.
Os recursos captados são repassados integralmente para as três entidades amparadas pela campanha: Hospital de Câncer, Movimento Pró-Criança e a Fundação Terra. O cliente pode, inclusive, destinar sua doação para uma ou até as três organizações.
A participação é efetivada por um termo de adesão que deve ser preenchido e assinado pelo cliente titular da conta de água autorizando a companhia a cobrar a doação. O cadastro pode ser feito no endereço servicos.compesa.com.br/campanha-conta-comigo ou nas lojas de atendimento da Compesa.
Ascom

Secretaria de Saúde realiza Dia D de vacinação no próximo sábado(16)

A secretaria de Saúde de Afrânio está empenhada para que as crianças e adolescentes menores de 15 anos estejam com todas as vacinas em dia. Para isso, está realizando no próximo dia  16 de setembro, sábado, das 8 às 13 horas,o Dia D de vacinação.

 

No dia D, o  atendimento nesse sábado acontecerá no ambulatório. Para participar da ação basta levar o cartão de vacina. A vacinação continuará  durante a semana.  As mães  podem procurar na unidade para levar suas crianças e adolescentes menores de  15 anos para atualizar a  sua caderneta de vacinação.

 

Orlando Tolentino pede dissolução do PMDB. Usado, Tolentino é ingênuo ou tolo?

Como se já não bastasse as intrigas  que causou no PSB, a vinda de Fernando Bezerra ao PMDB, se transformou em uma tempestade longe de acabar. Enquanto o  PSB respira por ter se livrado da marca FBC, o PMDB levantou uma guerra  dentro do seu quadro histórico por ter aceitado a filiação do político.
O  grupo do senador Fernando Bezerra Coelho e o do presidente do PMDB em Pernambuco, Raul Henry, mais parecem dois grandes Búfalos que batem as cabeças para saber quem vai ser o primeiro a tombar. Tecendo duras criticas ao  senador, Jarbas Vasconcelos e Raul Henry,não se conformam com a nova ideia e, invocam o poder da história do partido para anular a filiação do novo integrante que chegou causando muita intriga.
Para agravar o quadro , o assessor especial da Prefeitura de Petrolina, Orlando Tolentino, também filiado ao partido,  pediu a dissolução da sigla  no Estado, desestabilizando a calma que é peculiar do presidente do PMDB em Pernambuco,Raul Henry. O presidente do PMDB, não poupou saliva e,  disse o que bem entendeu em relação ao assessor, ao ponto de detratá-lo e o chamar de  ‘Cupincha”. O clima realmente está ruim.
“O que houve aqui foi um pedido de dissolução do diretório estadual do PMDB de autoria de um cupincha do senador Fernando Bezerra Coelho, assessor do filho dele na Prefeitura de Petrolina. E o argumento era a insuficiência de desempenho eleitoral. No mesmo momento eu mostrei o mapa, uma manchete da Folha de S. Paulo, dizendo que o PMDB estadual que mais cresceu na eleição de 2016 foi o de Pernambuco, cresceu 128%. Então esse pedido de dissolução já nasce com uma fraude, com base numa mentira. De um cupincha do senador”, disse Henry .
Não há previsão de quando a Executiva Nacional vai voltar a analisar o pedido de dissolução.O relator do pedido será o deputado Baleia Rossi, de São Paulo, líder do partido na Câmara Federal. Em entrevista após a reunião, o presidente nacional do partido, Romero Jucá, disse que vai trabalhar pelo entendimento entre os grupos do deputado federal Jarbas Vasconcelos e o senador Fernando Bezerra Coelho.
A pergunta que fica no ar é só uma… Tolentino é ingenuo ou tolo?
Por Cauby Fernandes