Category Archives: Notícias

Campanha supera expectativa da secretaria de Desenvolvimento Social, em Afrânio

Mais cidadania e dignidade para o afraniense. As mulheres lotaram hoje o auditório do Memorial Jose Teodomiro,em Afrânio para emitir segunda via de  documentos pessoais. Isso, resultado   da Campanha Nenhuma Pernambucana sem Documento , uma parceria da  Prefeitura Municipal , através da secretaria de Desenvolvimento Social  com o governo de Pernambuco, também através da secretaria da Mulher estadual.

 

Segundo a secretaria de Desenvolvimento Social , a procura atendeu a expectativa da prefeitura. Foram emitidas 100 carteiras de identidade e 100 registros de nascimentos e o mesmo número de registros de casamento.
Todos têm um prazo de 45 dias para receber a documentação emitida ontem (10).

Escola Mundo Infantil de Afrânio realiza atividades esportivas na semana criança

 
No próximo dia 12 será comemorado o dia da criança em todo Brasil. A manhã de hoje (10),está sendo toda decicada a prática de esportes na quadra do Ginásio Artur Coelho de Alencar em comemoração a semana da criança Afraniense.
Desde ás 8horas da manhã, que alunos da Escola Municipal Mundo Infantil da cidade de Afrânio participam de torneio de Futsal. São alunos  de várias idades divididos nas categorias masculino e feminino.

 

A cidade tem vocação para o esporte em todas as modadlidades, e hoje em especial o futsal que é práticados desde muito cedo. Sempre acompahando dos pais e professores, os alunos vão demonstrando suas habilidades na prática de esporte.
Parabens a Secretaria de educação pelo apoio e incentivo ao desporto.

Especialista destaca os benefícios da reconstrução mamária

 

 

A reconstrução mamária é uma cirurgia plástica reparadora, que pode ser realizada após a retirada parcial ou total da mama em decorrência do tratamento contra o câncer.
“A maioria das mulheres que passam pela mastectomia tem indicação para a reconstrução. Algumas enxergam a cirurgia como uma oportunidade única de recomeçar e de se sentir bem com o corpo”, disse Paulo Hypacio, especialista em cirurgia plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e um dos médicos responsáveis pelas reconstruções mamárias no Hospital do Câncer de Pernambuco e no Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Pernambuco.

Desde 2013, pela Lei 12.802/2013, a paciente tem o direito de realizar o procedimento por meio do SUS. A cirurgia plástica reparadora da mama pode ser realizada logo em seguida à retirada do câncer, quando houver condições médicas. “Caso a paciente não possa realizar a reconstrução imediatamente após a cirurgia, a paciente deverá ser encaminhada para acompanhamento clínico para ser feita meses depois”, ressaltou Paulo Hypacio.

A reconstrução da mama pode ser conseguida através de técnicas de cirurgia plástica que envolvem prótese mamária, expansor de tecidos, tecidos, músculos e peles do abdômen ou músculo das costas com implante mamário. A reconstrução mamária busca restaurar a mama considerando a forma, a aparência e o tamanho após a mastectomia.
De acordo com o médico, os resultados estéticos são bastante satisfatórios e as mulheres que se submetem à reconstrução sentem-se muito melhor do que as que não a fazem.
“A reconstrução mamária é um procedimento que é emocionalmente gratificante para a mulher que perdeu a mama devido ao câncer. O método melhora radicalmente sua autoestima, autoconfiança e qualidade de vida”, destacou Paulo Hypacio.

Em Ouricuri, vereador preso pede 30 dias de afastamento da Câmara Municipal

Em Ouricuri (PE), no Sertão do Araripe, uma reunião extraordinária realizada pela Câmara de Vereadores na última sexta-feira (6) nunca deu tanto o que falar na cidade. O motivo foi a pauta: um pedido de afastamento, por 30 dias, do vereador Gildejânio Melo.
Seria tudo normal, não fosse pelo fato de Gildejânio estar preso desde o último dia 19 de setembro. Em abril deste ano, a Polícia Militar encontrou 20 mil pés de maconha numa roça de propriedade do vereador.
No local foi encontrado também um sistema de irrigação para o plantio. Apesar do boletim de ocorrências da PM constar que o vereador confessou saber da plantação, na época ele foi liberado por falta de provas. Nas eleições municipais passadas, Gildejânio obteve 1.416 votos, sendo o mais votado. Pela Lei Orgânica do município, todo vereador tem direito a uma licença de 30 a 120 dias. Mas no caso de ser apenas o tempo mínimo, como requer Gildejânio, ele não será afastado e nem substituído, pois tem esse direito, já que não foi julgado. Mesmo se for condenado, ele não perderá o mandato antes de passar pelo plenário da Câmara.
Fonte: Blog do Carlos Britto.

Transposição: Empresários de Salgueiro protestam por dívida de R$ 24 milhões deixada pela Mendes Júnior

 

 

Um grupo de empresários de Salgueiro (PE), no Sertão Central, não esconde a revolta contra a Construtora Mendes Júnior. Eles fizeram mais um protesto contra a empresa, no dia de ontem (9) – desta vez em frente ao Ministério Público. O motivo é uma dívida de R$ 24 milhões referente a obras da transposição do Rio São Francisco.
Os credores acusam a Mendes Júnior de ter abandonado os serviços sem ter pago as empresas contratadas.
Para pressionar o governo federal, o grupo fechou as comportas da Barragem de Tucutu, em Cabrobó (PE), Sertão do São Francisco. E já deixaram claro que se as comportas forem reabertas, eles as fecham novamente até terem suas dívidas quitadas.
Fonte: Blog do Carlos Britto.

Juiz transforma prisão temporária de Nuzman em preventiva

 

 

O juiz da 7ª Vara Federal Criminal Marcelo Bretas, responsável pelos processos da Operação Lava Jato no Rio de Janeiro, acatou o pedido do Ministério Público Federal (MPF) no estado e transformou de temporária para preventiva a prisão do presidente afastado do Comitê Olímpico do Brasil (COB) e do Comitê Organizador dos Jogos Rio 2016, Carlos Arthur Nuzman.
Bretas atendeu ainda ao pedido do MPF de prorrogação da prisão temporária de Leonardo Gryner, ex-diretor do COB e do Comitê Organizador dos Jogos Rio 2016. Nuzman e Gryner estão presos desde quinta-feira (5), quando foi deflagrada a Operação Unfair Play – Segundo Tempo, um desdobramento da Unfair Play, que revelou a compra de votos para a escolha do Rio como sede olímpica de 2016.
O prazo das prisões temporárias expirava nesta segunda (9), e, com a decisão do juiz Bretas, Nuzman permanecerá detido por tempo indeterminado e Gryner por mais cinco dias.
Na decisão, o juiz Bretas diz que, inicialmente, tinha decidido apenas pelo depoimento de Nuzman com mandados de busca e apreensão. O aprofundamento das investigações, no entanto, identificou mais claramente a participação do dirigente esportivo no suposto esquema criminoso de compra de votos, o que motivou o pedido da prisão temporária na semana passada, além de nova busca e apreensão na residência dele.
O juiz destaca ainda que o objeto da investigação não se restringe à compra dos votos, que “seria apenas mais uma etapa de outra empreitada criminosa, bem maior, levada a efeito pela Organização Criminosa instalada na intimidade da administração do estado do Rio de Janeiro. Como já exaustivamente descrito nas decisões cautelares anteriores, às quais me reporto, a escolha da cidade do Rio de Janeiro como sede dos Jogos Olímpicos de2016 teria criado a oportunidade adequada para a realização de várias obras de grande porte neste Estado”, indicou.
Bretas aponta ainda a evidência, por parte de Nuzman, de comportamento “tendente a promover ocultação criminosa de bens e direitos, sob a falsa aparência de regularidade fiscal”. Segundo o juiz, foram apreendidos e-mails datados de 29 de setembro deste ano, após a deflagração da Operação Unfair Play, em que o dirigente pede o pagamento, pelo COB, do contrato de prestação de serviços advocatícios com o escritório Nélio Machado Advogados, no valor de R$ 5.5 milhões.
Para o juiz, isso mostra que, além de ter influência no Comitê, Nuzman usava a entidade para pagamento de despesas pessoais, uma vez que o advogado o defende. “Ao que parece, Carlos Nuzman estaria utilizando recursos do Comitê Olímpico Brasileiro (COB) para fazer face a despesas pessoais, já que o advogado Nélio Machado o representa pessoalmente nos processos criminais em curso neste Juízo. O que resta evidente com a proximidade entre o requerimento do pagamento a ser realizado e a deflagração da Operação Unfair Play, além da referida “urgência” para efetivação do pagamento dos honorários ao escritório de advocacia”.
Ainda no despacho, Bretas intima o COB e o Comitê Organizador dos Jogos Rio 2016 para, no prazo de 24 horas, o conteúdo integral da caixa de email da secretária do Comitê Olímpico, Maria Celeste de Lourdes Campos Pedroso (maria.celeste@cob.org.br), que teria informações sobre operaçoes realizadas por Nuzman. O juiz pede ainda que os dois comitês esclareçam “as razões que levaram à impossibilidade da extração dos dados na data de 5 de outubro de 2017, no momento do cumprimento do mandado de busca e apreensão”.
Sobre a prorrogação da prisão temporária de Leonardo Gryner, o juiz afirmou que existe ainda grande quantidade de informações contidas em documentos e no aparelho celular do ex-dirigente que estão pendentes de análise.
Nuzman pediu afastamento do cargo na sexta-feira (6) passada, o que será analisado em assembleia geral extraordinária na próxima quarta-feira (11), às 14h30, na sede da entidade, na Barra da Tijuca. Na carta encaminhada ao COB, Nuzman afirma que vai provar sua inocência e que não poderia deixar o esporte olímpico brasileiro ser atingido pelos acontecimentos e investigações que o envolvem, segundo ele, “injustamente”.
Fonte: Agência Brasil.

Programa que levará Carros pipa para o interior de Petrolina aguarda prorrogação de decreto da seca do Governo do Estado para começar, diz secretário José Batista  

 

 

Anunciado para começar a partir de 25 de setembro, durante anúncio do pacote de ações governamentais do Governo Novo Tempo, o Programa que resgata a volta dos carros pipa, para os moradores do interior de Petrolina, no Sertão de Pernambuco, que sofrem com a falta d’água, ainda não começou.
Para buscar detalhes sobre o andamento do referido programa hídrico, a reportagem deste Blog conversou com o secretário de Desenvolvimento Econômico e Agrário, Zé Batista da Gama, de acordo com ele não é fácil conseguir uma licitação para contratação de carros pipa e certos pré-requisitos devem ser obedecidos.
“A gente tem que fazer as coisas de acordo com a lei, para conseguirmos contratar o serviço de carros pipas sem licitação o município tem que estar respaldado em alguma Lei. Nós estamos procurando seguir o Decreto do Estado, que diz que alguns municípios pernambucanos, do Agreste ou Sertão que estão em estado emergencial por falta d’água. Nós estamos pedindo ao Governador que prorrogue este Decreto para o município ficar respaldado nele”, declarou o secretário.
Zé Batista revelou ainda que a partir da prorrogação do Decreto pelo Executivo Estadual, a prefeitura vai selecionar os pipeiros que se encaixam no perfil do Programa. “Porque não é todo pipeiro que aceita a proposta que estamos oferecendo, por exemplo, o contrato com o exército custa R$ 7,8 mil o da prefeitura será no valor de R$ 6 mil, por isso, estamos trabalhando com cuidados para evitar queixas deslavadas”, conclui o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Agrário.
Fonte: Blog do Banana

Com baixa participação popular, plebiscito pedindo separação do Sul do restante do país é aprovado

Com participação abaixo do esperado, o plebiscito informal ‘O Sul É o Meu País’, realizado no último sábado (7), foi concluído com vitória maciça da proposta de separação dos Estados do Sul para a criação de um novo país.
Com 80,12% das urnas auditadas até as 20h deste domingo (8), 96,1% dos participantes votaram favoravelmente a Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná se separarem do Brasil. Os votos contrários somam 3,9%. A votação aconteceu em 900 cidades dos três Estados do Sul.
O movimento registrava a participação de 331.378 eleitores no plebiscito. A expectativa da organização é de que até o final da contagem o número chegue perto dos 500 mil, bem abaixo da meta do movimento, que era de contabilizar entre 1 milhão e 2 milhões de votantes.
O número de eleitores deve ficar abaixo também dos 616 mil registrados na primeira edição do Plebisul, em outubro do ano passado.
Apesar disso, Anidria Rocha, que é uma das lideranças do movimento, disse não estar frustrada com o resultado.
Ela argumenta que, junto com o plebiscito, o grupo coletou assinaturas para um projeto de lei de iniciativa popular que propõe uma consulta formal sobre a independência da região Sul, a ser realizada junto com as eleições do ano que vem. Apesar de os números ainda não terem sido divulgados, ela afirmou que a proposta bateu a meta de assinaturas, o que em sua avaliação representa uma vitória para o movimento.
O movimento existe desde 1992, mas ganhou força nos últimos anos em função da deterioração das condições políticas e econômicas do país. Anidria afirmou que 80% da riqueza produzida nos três Estados “fica encastelada” em Brasília e que a região Sul poderia se tornar um país de primeiro mundo, se fosse separada do Brasil.
O grupo sabe que o plebiscito não tem valor legal, já que a Constituição determina que “a República Federativa do Brasil é formada pela união indissolúvel dos Estados e Municípios e Distrito Federal”, e a legislação proíbe qualquer tentativa de separação do território nacional.
Meta
Por isso, a meta é continuar coletando assinaturas para a realização de uma consulta formal junto com as eleições de 2018. A proposta deve ser protocolada nas Assembleias Legislativas dos três Estados até maio do ano que vem.
A líder do movimento destaca o grande “potencial econômico e humano da região” e as características da população do Sul: “Nós temos uma cultura completamente miscigenada, e um povo que fala a mesma língua. O trabalho é a língua da região Sul, assim como é a língua de outros Estados, mas tem muitos Estados que estão mais acostumados com o assistencialismo, e nós não gostamos muito disso”.
Fonte: Blog do Carlos Britto.

Guilherme Coelho depende de Fernando Bezerra para se manter vivo na politica

O deputado federal Guilherme Coelho (PSDB), com dificuldades no cargo, se “bole” em bom nordestinês, como pode. Ex-prefeito de Petrolina, Guilherme Coelho, e agora Deputado federal  com mandato tampão,  se vê em situação dificultosa. O mandato, a vaga de Guilherme Coelho, tem dono e chama-se Bruno Araújo, Ministro de Temer.  Bruno Araújo,  vez por outra abandona o ministério para votar e defender o presidente que está em guerra para se manter no cargo.  Quem sofre com isso são os assessores de Guilherme Coelho, que sem dúvidas penam com as agruras do mandato, e  que de vez em quando, são obrigados a receber a  exoneração  por causa das votações que ocorrem na Câmara. E aí, manter a equipe não é tarefa fácil. Toda as vezes que Bruno é convocado, são quinze dias de exoneração e fora do poder. Guilherme se sustenta como pode.
Convencido da dureza da eleição que vai disputar para a câmara federal no ano que vem, Guilherme Coelho vai ter que fazer  malabarismo para ganhar  uma eleição com essas dificuldades. Manter gente ao seu lado por amor é difícil e político que se preza , valoriza seus assessores. Quem conseguia essa façanha era seu pai,  Osvaldo Coelho, que tinha admiração das pessoas, com Guilherme é diferente. O legado politico do pai, foi passado para Fernando Bezerra, que sem dúvidas, se tornou a liderança politica mais forte  da família. A  base política do clã tem mandatário, e não é Guilherme Coelho.
Resultado de imagem para guilherme coelho e fernando bezerra
O deputado assim como o restante da família, agora batem continência para FBC, que se  tornou  muito forte politicamente. Fernando elegeu seus filhos e os tornou políticos importantes para o País e para Pernambuco. Isso é real. Guilherme agora, depende do apoio do senador para se manter  vivo na politica, coisa que seu pai Osvaldo sempre foi contra.
A campanha política já começou. É bom agora, Guilherme Coelho, começar realmente a se “bulir”, negócio tá feio e voto se conquista, eleitor brasileiro e principalmente o nordestino já mudou seus olhares para quem defende e não defende seus interesses.
Por Cauby Fernandes

Gonzaga Patriota anuncia que voltará a assumir presidência do PSB em Petrolina em reunião com lideranças

 

O deputado federal Gonzaga Patriota (PSB-PE) reuniu-se a lideranças de Petrolina em seu escritório municipal, na manhã deste sábado (07). Com o grupo, o parlamentar discutiu os cenários regional e nacional, reforçou seus posicionamentos e lançou-se pré-candidato a reeleição, anunciando ainda que deverá voltar à presidência do PSB em Petrolina.
Patriota revelou que, em comum acordo com o deputado estadual Lucas Ramos (PSB), o governador Paulo Câmara e todo grupo do Partido Socialista Brasileiro, voltará a comandar a sigla na cidade. O acordo foi discutido após a saída do grupo do senador Fernando Bezerra Coelho – atualmente no PMDB – da legenda local.

 

“São nove mandatos como deputado e mais de 30 anos de serviços prestados a Pernambuco e ao nosso país. Serei mais uma vez candidato e conto com a atenção dos eleitores, pois política é bom, é bonito; e é preciso depositar sua confiança em pessoas que têm um trabalho sério”, disse o parlamentar.
Em seu discurso, Patriota reforçou seu posicionamento contrário às reformas propostas pelo Governo Temer – como o teto dos gastos públicos; as reformas Trabalhista, Previdenciária e Política; o Fundo Partidário e o Distritão, além das privatizações.
Ele também citou mentiras que têm sido replicadas sobre o Projeto de Lei 6569/13, que já tramita no Senado e trata da revitalização do rio São Francisco através da interligação ao rio Tocantins.
“O Velho Chico tem uma vazão muito inferior ao rio tocantinense e aqui no Submédio não estamos atravessando-o a pé. Cruzar o Tocantins a pé ou de moto? Mentira! E jamais iremos tirar água de lá em época de vazante. Diziam que eu era louco quando pedia água do São Francisco para Salgueiro e para o Araripe, quando falava da aposentadoria para homens e mulheres do campo, quando pedia a volta das ferrovias para o Nordeste. Por que não trazer água de outra bacia para cá?”, disparou o parlamentar.
Sobre as investigações contra Temer, o legislador reiterou sua posição. “Semana que vem a Câmara vota mais uma denúncia contra o presidente. E mais uma vez votarei para que ele seja investigado!”, ressaltou. Participaram da reunião ainda a professora Anete Ferraz e o pré-candidato a deputado estadual, Alvinho Patriota.