Daily Archives: 7 de julho de 2017

Gonzaga Patriota solicita à Presidência envio de MP para repasse de recursos às Polícias Federal e Rodoviária Federal

Assim com a Polícia Federal (PF), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) sofrerá interrupção em diversos serviços devido ao contingenciamento orçamentário do Governo Federal. A partir desta quinta-feira (6), haverá suspensão de escoltas, atividades aéreas, redução de viaturas em patrulhamento e fechamento de postos. A instituição irá priorizar o atendimento a acidentes com vítimas, além do combate a ilícitos. O horário de funcionamentos dos postos será alterado. Os departamentos regionais terão de se adaptar conforme a disponibilidade do orçamento restante.
Preocupado com os prognósticos, o deputado Gonzaga Patriota (PSB-PE) sugeriu em discurso na Câmara que o Governo Federal envie uma Medida Provisória à casa legislativa, alocando recursos para a polícia. “Falo como representante da Frente Parlamentar em Defesa da PRF e como soldado da PRF: não podemos ficar assim! Um país que tem mais de 60 mil quilômetros de rodovias não pode deixar sua polícia com está. E também a Polícia Federal, que está sem verbas até para emitir passaportes. Precisamos de gente e verbas proteger nossas estradas e fronteiras”, declarou o parlamentar.
O legislador ainda convocou o diretor-presidente da PRF, Renato Dias e o representante da Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FENAPRF), Pedro da Silva Cavalcanti, para juntos brigarem contra o contingenciamento dos recursos para a instituição. Nesta quarta-feira, a categoria emitiu uma nota de repúdio contra a limitação orçamentária.
“O corte do governo representa transformar uma instituição que trabalha de forma preventiva para uma forma reativa, onde passará a apenas atender as ocorrências, gerando facilidade no trânsito de drogas pelo país, aumento da criminalidade nas rodovias, e principalmente o aumento de mortos e feridos no trânsito, e essa conta recairá mais uma vez sobre a sociedade brasileira”, divulgou, em comunicado, a FENAPRF.
Em nota enviada à imprensa, a PRF alegou que já está em tratativas com Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão para uma célere recomposição do orçamento e consequente reestabelecimento dos serviços e normalização da atuação da instituição.
Polícia Federal
Os problemas orçamentários da Polícia Federal (PF) não se limitam à suspensão da emissão de novos passaportes, conforme anunciado pela instituição. Segundo reportagem de O Globo, a partir de agosto, a polícia deverá interromper grandes operações de combate à corrupção, inclusive parte das investigações relacionadas à Operação Lava-Jato. Com um corte de 44% no orçamento determinado pelo governo, a PF não terá dinheiro para bancar passagens aéreas e diárias de policiais em viagens pelo país, entre outras despesas essenciais nas grandes operações.
Ascom

Três anos após matar PM da Bahia, ex-policial civil de PE é assassinado com 13 tiros em Petrolina

Um ex-policial civil de Pernambuco foi assassinado ontem (6) na Avenida Monsenhor Ângelo Sampaio, Bairro Areia Branca, zona leste de Petrolina. A vítima, Valdério Ferreira da Silva (foto), de 41 anos, foi atingida por treze disparos de arma de fogo, segundo o 5º Batalhão de Polícia Militar (BPM).
Na mesma ocasião, outro homem ficou baleado e foi encaminhado ao Hospital Universitário (HU) e permanece internado em estado estável. Os dois consumiam bebida alcoólica quando foram surpreendidos por homens, ainda não identificados, que chegaram a pé e efetuaram os disparos, fugindo em seguida.
Segundo informações policiais, Valdério Ferreira, que era lotado na lotado na Polícia Civil de Araripina, no Sertão do Araripe, matou o policial militar baiano Mauro Roberto Sampaio Simões no dia 16 de junho de 2014, no Bairro José e Maria, zona norte de Petrolina. Ele foi excluído da corporação após o ocorrido.
O soldado Mauro, que foi morto pelas costas com um tiro na cabeça, era lotado na Companhia Independente de Policiamento Especializado (CIPE/Caatinga). Na ocasião, Valdério foi preso em flagrante com uma pistola por policiais do 5º BPM.
Ainda de acordo com informações policiais, Mauro estava de folga no momento do crime. À época, a polícia disse que a suspeita era de que o homicídio tenha sido motivado por uma “rixa” antiga entre os policiais. O PM Mauro era casado e residia no bairro de Peru, no município de Jacobina, no norte da Bahia.
Fonte: Blog do Carlos Britto

Começa neste sábado fase final de pagamento de contas inativas do FGTS

Cerca de 2 mil agências da Caixa terão funcionamento especial para atender trabalhadores com contas inativas do FGTS

Caixa já pagou mais de R$ 38 bilhões relativos a contas inativas / Foto: Agência Brasil

Caixa já pagou mais de R$ 38 bilhões relativos a contas inativas
Foto: Agência Brasil
Cerca de 2 mil agências da Caixa em todo o país abrirão neste sábado (8), das 9h às 15h, para atendimento exclusivo de trabalhadores com contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).
Na segunda-feira (10), as agências abrirão com duas horas de antecedência. Nas regiões em que o banco abre às 9h, o atendimento começa às 8h e fecha uma hora mais tarde”. Os funcionários vão solucionar dúvidas, acertar cadastros, emitir senha do Cartão Cidadão e fazer pagamentos.
Com o início do pagamento das contas inativas de quem nasceu em dezembro, neste sábado, o programa entra em sua fase final, que termina no dia 31 deste mês. Mais de 2,5 milhões de trabalhadores têm direito ao saque. O valor total disponível ultrapassa R$ 3,5 bilhões e equivale a aproximadamente 8% do total disponível.
A vice-presidente de Fundos de Governo e Loterias da Caixa, Deusdina Pereira, ressaltou o sucesso das ações do banco. “Chegamos à fase final dos pagamentos das contas inativas do FGTS. Já conseguimos pagar o benefício a grande parte dos clientes, garantindo o cumprimento praticamente integral do calendário estipulado”, disse.
Até o dia 28 de junho, a Caixa pagou mais de R$ 38,2 bilhões relativos às contas inativas, e o número de trabalhadores nascidos até novembro e que já sacaram alcançou 22,6 milhões de pessoas. O valor equivale a 95,38 % do total inicialmente previsto (R$ 40 bilhões) e a aproximadamente 81% dos trabalhadores (27,7 milhões) nascidos entre janeiro e novembro.
Orientações
A Caixa lembra que os valores até R$ 1.500 podem ser sacados no autoatendimento, somente com a senha do Cartão Cidadão. Até R$ 3 mil, o saque pode ser feito com o Cartão Cidadão nos postos de autoatendimento, lotéricas e correspondentes do banco. Quanto aos valores acima disso, os saques só podem ser feitos nas agências.
Para facilidade no atendimento, os trabalhadores devem sempre ter em mãos o documento de identificação e a Carteira de Trabalho, ou outro que comprove a rescisão do contrato. Para valores acima R$ 10 mil é obrigatória a apresentação desses documentos.
O banco informa também que criou um serviço exclusivo em seu site para facilitar o atendimento ao trabalhador que tem direito ao pagamento de conta inativa.
Na página, a pessoa pode saber se tem contas inativas, conforme contempladas pela Medida Provisória (MP) 763/16, que determina o pagamento, o valor a receber, a data do saque e os canais disponíveis para o pagamento.
Outra opção é o Serviço de Atendimento ao Cliente pelo 0800 726 2017. Para fazer a consulta do saldo no 0800 ou no site, o trabalhador deve informar seu número de CPF ou PIS/Pasep. Nesses canais, o trabalhador pode, inclusive, indicar que deseja receber o crédito em uma de suas contas na Caixa.
De acordo com a MP, tem direito ao saque o trabalhador que pediu demissão ou foi demitido por justa causa até 31 de dezembro de 2015. Ele pode sacar o saldo da conta vinculada, estando ou não fora do regime do FGTS, respeitado o calendário publicado pela Caixa.
Fonte: JC Online

Paulo Câmara deixa portas abertas para o PT e para Lula

Lula e Paulo Câmara não têm se encontrado para falar de política, de acordo com o governador / Divulgação

Ao comentar a fala do ex-presidente Lula (PT) sobre a volta de uma união entre petistas e o PSB para a eleição presidencial de 2018, o governador Paulo Câmara, que é vice-presidente nacional dos socialistas, deixou claro que nenhuma porta está fechada.
“O PSB quer sempre contribuir e está aberto, sempre esteve muito aberto a muitas oportunidades. Agora, vai precisar de muita conversa, de sentar à mesa, ver qual é a estratégia para 2018, qual é o rumo e qual o caminho que vai querer percorrer”, disse.
Paulo e Lula se encontraram em 2015, em São Paulo, logo após o socialista assumir o Estado. Eles se reuniram em outras ocasiões, como na inauguração de uma fábrica no Estado e no velória de dona Marisa.
“De política, faz tempo que a gente não conversa”, informou o governador.
Paulo Câmara elogiou o ex-presidente e disse que Lula trouxe “muitas obras” a Pernambuco e que tem uma identidade com o Estado, mas evitou dar uma declaração mais contundente sobre eventual retomada da aliança.
“O clima de Brasília está muito confuso, instável e realmente sem definição do que vai ocorrer. Todo dia tem uma notícia nova. O cenário está precoce para se fazer qualquer avaliação, principalmente sobre 2018. A gente tem, agora, que ver saídas para o Brasil e é nisso em que estou focado”, despistou.
A vereadora Marília Arraes (PT), que esteve com Lula há poucos dias e é cotada para ser rival de Paulo em 2018, avaliou a citação do ex-presidente.
Fonte: JC

 

Rodrigo Maia diz que é preciso votar rapidamente denúncia contra Temer

Durante a entrevista, Rodrigo Maia negou que tenha saído do Brasil para evitar ter que assumir o lugar de Temer / Foto: Antônio Cruz / ABr

O presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), defendeu nesta quinta-feira (6) que o Congresso defina rapidamente se aceita ou não a denúncia contra o presidente Michel Temer por corrupção passiva, apresentada pela Procuradoria-Geral da República. “Minha vontade pessoal é que a gente deva encerrar este assunto assim que sair da Comissão de Constituição e Justiça – o Brasil não pode ficar parado com o parecer da Comissão de Constituição e Justiça até o mês de agosto”, disse, em entrevista à imprensa brasileira, em Buenos Aires. A declaração vem no momento em que Maia ganha força para assumir a presidência, após o PSDB admitir que o Temer não possui mais condições de governabilidade.
Maia desembarcou na capital argentina, na quinta-feira (6), junto com mais quatro deputados brasileiros, para participar do Primeiro Fórum Parlamentar sobre Relações Internacionais e Diplomacia Parlamentar. Ele negou que tenha saído do Brasil para evitar ter que assumir o lugar de Temer, durante a sua viagem à Alemanha, onde participará da reunião do G-20 (grupo formado pelas 19 maiores economias do mundo mais a União Europeia). Segundo Maia, a participação dele no evento na Argentina já tinha sido acertada há mais de um mês.
“Tenho o maior orgulho de sentar na cadeira da Presidência da República em qualquer momento”, disse Maia. Ele disse que pretende continuar na presidência da Câmara trabalhando pela aprovação das reformas até 2018. Na avaliação de Maia, Temer terá o apoio parlamentar necessário para evitar ser julgado e se manter no cargo.
Cabe ao plenário da Câmara dos Deputados votar o relatório que será apresentado pela Comissão de Constituição e Justiça e decidir se a denúncia contra Temer será aceita ou não. O presidente precisa garantir 172 votos para evitar o julgamento. Maia não quis comentar o que faria caso Temer fosse derrotado na Câmara e tivesse que assumir seu lugar.
“Para que a gente possa colaborar com a democracia brasileira e a estabilidade no Brasil, essa é uma análise que eu não acho prudente. O presidente Michel Temer tem uma base de apoio grande”, disse. “Claro que não é uma votação fácil, mas a probabilidade maior é que ele vença essa denúncia. Acho que o passo seguinte não deve ser avaliado, a não ser que ele ocorra”. 
Fonte: JC